<BGSOUND SRC="http://www.mp3shits.com/download/download.php?skey=5f35a572561e62823f509989241e2235&key=767589" LOOP="INFINITE">

20 fevereiro 2006



A evolução da psiquiatria e dos cuidados de enfermagem ao doente mental indica que cada modalidade terapêutica proposta, a cada atitude definida diante da loucura, esteve sempre subjacente uma representação de doença mental, como expressão das suas interpretações que circulam no imaginário.
É importante o reconhecimento do sofrimento que a doença mental acarreta sendo um fenómeno existencial significativo e subjectivo cuja abordagem exige a compreensão de um quadro de valores, crenças e expectativas, contribuindo assim para a humanização dos cuidados, numa intervenção de respeito, incutindo esperança e auto estima.

2 Comments:

At 29 dezembro, 2011 21:59, Anonymous AGAFAPE said...

Gostaria que nos informassem se a esquizofrenia pode ser considerada uma deficiencia. Se a reposta for afirmativa, em Porto Alegre os portadores desta doença poderiam receber passe gratuito, o que é muito importante para os mesmos.

 
At 13 janeiro, 2012 12:11, Anonymous Anónimo said...

como um esquizofrenico pode viver depois que sabe que tem essa doença?

 

Enviar um comentário

<< Home