<BGSOUND SRC="http://www.mp3shits.com/download/download.php?skey=5f35a572561e62823f509989241e2235&key=767589" LOOP="INFINITE">

20 Fevereiro 2006

Na antiguidade o sofrimento do doente mental era confinado aos sintomas físicos e à possessão demoníaca, competindo aos religiosos e familiares desenvolverem formas eficazes de intervirem nos sintomas.
Conhecer o sofrimento do doente mental é dialogar sobre as suas experiências e estar atento aos seus significados pessoais, de modo a aumentar a percepção de controle e a diminuir o sofrimento antecipatório do indivíduo.